Pesquise neste blog

terça-feira, 29 de abril de 2014

Sonhamos em ser perfeitos...



Nosso sonho é sermos perfeitos e a prova de bala, conceitos bastante sedutores em nossa sociedade, mas que na realidade não existem. 


Precisamos respirar fundo e entrar na arena da vida, seja ela qual for: talvez um novo encontro importante, ou uma conversa difícil em nossa família, talvez um problema em nosso relacionamento, ou quem sabe uma mudança drástica em nossa vida. 


Mas seja lá o que for, em vez de nos sentarmos a beira da estrada e vivermos de julgamentos e criticas, devemos ousar aparecer, e deixar que nos vejam. 


Temos que ter a coragem de sermos imperfeitos. Isso sim é viver com ousadia. Não é fraqueza. A incerteza e os riscos de nos expormos emocionalmente diariamente não são opcionais. 


A nossa única escolha tem a ver com o compromisso, com a nossa vontade de assumirmos os riscos e de nos comprometermos com a nossa vulnerabilidade, é isso que irá determinar o alcance de nossa coragem e a clareza de nosso propósito. 


Assim como o nível com que nos protegemos emocionalmente é a medida de nosso medo e de nosso isolamento em relação à vida.


Passar uma vida inteira esperando ser a “prova de bala” ou “perfeitos” para só depois entrarmos no jogo vamos, na  verdade está sacrificando relacionamentos e oportunidades que podem ser irrecuperáveis, estaremos também desperdiçando nosso tempo precioso e virando as costas para os nossos talentos.


Pense nisso!

Seu comentário é importante para meu trabalho, deixe-o aqui.
Muito obrigado!
Fátima Jacinto


Postar um comentário
Custom Search